O que é

 O câncer não consiste em uma só doença, mas em um conjunto de mais de 200 doenças distintas, com multiplicidade de causas, história natural e diferentes formas de tratamento, não possuindo características clínicas específicas e podendo acometer qualquer tecido, órgão ou sistema do corpo humano.

As neoplasias malignas, genericamente denominadas de câncer, estão sempre incluídas entre as quatro primeiras causas de morte, em análise de mortalidade nas macrorregiões do Brasil (MS-INCA). O progresso no desenvolvimento do tratamento do câncer na infância foi espetacular nas últimas quatro décadas. Atualmente, 70% das crianças acometidas de câncer podem ser curadas, se diagnosticadas precocemente e tratadas em centros especializados. A maioria dessas crianças terá uma vida praticamente normal.

O diagnóstico do câncer infantil é um processo complexo e muitas são as variáveis que parecem influenciá-lo. A detecção precoce e o pronto início do tratamento têm importante papel na redução da mortalidade e morbidade (do tratamento). O melhor entendimento da relação entre estes fatores é de fundamental importância para o desenvolvimento de estratégias de saúde pública para detecção precoce do câncer infantil.